CPI da Previdência será instalada na próxima semana Notícia postada em 19.04.2017
Vídeo
A CPI para investigar a situação financeira da Previdência Social será instalada nos próximos dias. O senador Paulo Paim (PT-RS) autor do requerimento (RQS 161/2017) que solicitou a criação da CPI comemora mais uma conquista e declara que a verdade virá à tona.
 
“Agora é a hora da verdade. Vamos ver quem são os grandes devedores da Previdência. Mostraremos que não existe déficit na Previdência. E infelizmente, o que existe é uma intervenção desumana de grandes empresas que tiram dinheiro dos trabalhadores, aposentados e pensionistas. Querem entregar nossa Previdência para o sistema financeiro e nós não podemos deixar”, afirmou.
 
A comissão pretende esclarecer as receitas e as despesas do sistema, bem como os possíveis desvios de recursos.
 
O presidente do Senado, Eunício Oliveira, anunciou nesta quarta-feira (19), os integrantes da CPI da Previdência. Os titulares serão os senadores Paulo Paim (PT-RS), Hélio José (PMDB-DF), Rose de Freitas (PMDB-ES), Ataídes Oliveira (PSDB-TO), Lasier Martins (PSD-RS) e João Capiberibe (PSB-AP). Eunício informou que ainda está aguardando a indicação do integrante do bloco Moderador.
 
Os suplentes serão os senadores José Pimentel (PT-CE), José Medeiros (PSD-MT) e Antonio Carlos Valadares (PSB-SE). As outras duas vagas de suplentes ainda precisam ser preenchidas.
 
A CPI da Previdência será composta de sete titulares e cinco suplentes e terá 120 dias para funcionar. 
Compartilhe nas redes sociais: